Aurélio Martins Presidente do MLSTP/ PSD disse hoje  a imprensa que a realização do congresso extraordinário realizado  na sede do partido por uma comissão de “camaradas”   é ilegal.

Jorge Amado, líder da bancada parlamentar do MLSTP-PSD afirmou ontem  que o caso Rosema é uma  “roubalheira” orquestrada por gente do MLSTP e do PCD.

 

O órgão de Execução Fiscal da Administração Tributária santomense revelou hoje, numa nota enviada ao advogado do Mello Xavier, Guilherme Pósser da Costa, que este deve ao Fisco o valor de nDb. 71 431 955,44, o equivalente a €2 915 590, resultante da sua gestão e lucros obtidos na Fábrica Rosema, entre os anos 2007 e 2009.

Foi nesta manhã apresentada à Mesa da Assembleia Nacional um Projecto de Resolução, que pretende exonerar três Juízes Conselheiros do Supremo Tribunal de Justiça, designadamente, Manuel Gomes Silva Cravid, Juiz Conselheiro Presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Maria Alice Rodrigues Vera Cruz Carvalho e Frederico da Glória, ambos Juízes Conselheiros deste órgão.

Os advogados dos “Irmãos Monteiros” consideram que o acórdão do Supremo Tribunal de Justiça do passado dia 24 de Março que decidiu entregar a cervejeira Rosema ao Melo Xavier “viola leis e princípios básicos do sistema jurídico santomense”.

O Primeiro-Ministro e Chefe do Governo, Patrice Emery Trovoada está em Washington em visita de trabalho.

O Primeiro- ministro Patrice Trovoada inaugurou na manhã desta sexta-feira, dia 20,  a nova rede elétrica na comunidade de Maria Luíza, no   Distrito de Lembá.

 

O novo embaixador angolano em São Tomé Joaquim  Pombo afirmou ontem que o processo judicial da cervejeira Rosema não vai atrapalhar as relações diplomáticas entre Angola e São Tomé e Príncipe.

O Governo São-tomense e o Fundo das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) assinaram esta quarta-feira, dia 11,  o documento Quadro de Programação País para 2018-2022.

 

O documento assinado pelo Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Teodorico Campos e pelo Representante da FAO em São Tomé e Príncipe, Hélder Mutéia, traça as linhas prioritárias no quadro da parceria institucional existente para os próximos cinco anos.

 

“Foram definidas três áreas de intervenção, com objectivo de melhorar as condições de vida da população rural, aumentar e diversificar a produção agrícola e promover a preservação e a gestão dos recursos naturais”, segundo precisou o Assistente do Representante da FAO em São Tomé, Argentino Pires dos Santos.

 

O novo plano de cooperação entre Governo e a FAO está avaliado em trinta milhões de dólares, mas apenas vinte por cento deste valor já está garantido, e segundo o Representante de FAO para São Tomé e Príncipe, Hélder Mutéia, “é preciso esforços de todos para que os objectivos do documento sejam alcançados”.

 

Para o Ministro de Agricultura e Desenvolvimento Rural, Teodorico Campos, ”o CPP 2018-2022 vai ajudar o Governo a desenvolver a economia e erradicar a fome no País”.  

 

Teodorico Campos assegura ainda que “o Governo tudo fará para junto dos parceiros conseguir os oitenta por cento do valor em falta para a execução do programa”.

 

A elaboração do novo documento-quadro de cooperação entre Governo e FAO para os próximos cinco anos, contou com colaboração de várias autoridades públicas e privadas do País.

A Embaixada da China entregou ao Ministério dos Negócios Estrangeiros e Comunidades um lote de equipamentos de escritório e de serviço protocolar.

  1. Popular
  2. Favorito
  3. Comentado

Ligue-se a nós

Calendário das Publicações

« Setembro 2018 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Filtrar por temas