rnstp rnstp

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE PROPÕE ALTERAÇÃO DO ACORDO DE PARCERIA NO DOMÍNIO DAS PESCAS COM A UNIÃO EUROPEIA

Escrito por  rnstp Out. 12, 2016

O Governo Sãotomense mostrou-se esta terça-feira, dia 11,  “insatisfeito” no seu relacionamento com a União Europeia no domínio das pescas por considerar que o mesmo deveria ser “mais justo e ambicioso”.

 

A “insatisfação” foi manifestada pelo próprio Ministro do Comércio e Cooperação Internacional, Agostinho Fernandes, durante a abertura da Comissão Mista “São Tomé e Príncipe- União Europeia” que decorre nos escritórios da Direcção das Pescas.

O governante reconheceu, no entanto, alguns progressos obtidos nos últimos anos com o referido acordo, mas defendeu um novo pacto que satisfaça melhor as partes. O Ministro Agostinho Fernandes chegou a apontar o actual  acordo como sendo na sua perspectiva "razoável".

o Governo  Sãotomense propôs a alteração deste acordo de pesca com a União Europeia que atribui licenças de pesca a 34 navios comunitários para a captura de sete mil toneladas de atum em troca de 700 mil euros anuais.

O último  acordo de parceria assinado com a União Europeia data de Dezembro de 2014 e é válido até 2018.

Além dos 700 mil Euros pagos à São Tomé e Príncipe, a UE atribui ainda 325 mil Euros para apoio técnico ao sector das pescas.

Modificado em quarta, 12 outubro 2016 16:31

Comentar


Código de segurança
Atualizar

  1. Popular
  2. Favorito
  3. Comentado

Ligue-se a nós

Calendário das Publicações

« Novembro 2018 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30    

Filtrar por temas